Opinião: O corajoso iOS 7
por: Rodrigo Hülsenbeck

O último WWDC (Worldwide Developers Conference) com certeza não será esquecido tão cedo por aqueles que acompanham a Apple há algum tempo.


Foram muitas as novidades. Upgrade no Macbook Air, o anúncio do poderoso e tão aguardado Mac Pro, e a apresentação de seu novo OS X, o Mavericks.


Todos estes anúncios são importantes e foram, na sua maioria, bem recebidos pela comunidade. 


Mas como o WWDC é um evento voltado primariamente aos desenvolvedores (maior parte iOS), todos estavam ansiosos para a aparição do grande astro: O iOS 7.


Quando as cortinas do espetáculo se abriram e ele deu as caras, as reações foram extremas. Muitos aplaudiram freneticamente, e outros simplesmente congelaram.


É isso mesmo? A Apple realmente "jogou fora" todo o polimento do iOS e seguiu essa linha…diferente?


Confesso que eu estava no segundo grupo. Não queria ver todo aquele conceito lindo do iOS, hoje clássico, se transformar naquilo que parecia uma mistura de Windows Phone e Android.


E os novos ícones? Para não generalizar, faço questão de frisar que gostei bastante do Relógio e do Notas. Em sua maioria, os ícones transmitiam claramente a ideia de que foram feitos em cima do prazo. Sem esmero algum.


Nova interface do iOS7


Esperava ver melhorias nos conceitos já existentes do iOS. Esperava ver novidades revolucionárias, por que não? Esperava muita coisa. Mas certamente não esperava por aquilo. 


O calor do momento faz com que nosso julgamento seja extremista, e nos faz amar ou odiar algo sem nem mesmo tê-lo visto de perto. 


Mesmo tendo esse sentimento de desaprovação, resolvi instalar o iOS 7 Beta 1 no meu iPhone 4S (desenvolvedores iOS têm acesso à versão beta sempre que lançada). Hoje com cerca de meio mês de convívio diário com o novo sistema, posso afirmar que recebi da Apple funções que tornam a utilização do sistema mais prática e moderna. 


O Control Center, ou Central de Controle, resolveu oficialmente uma grande deficiência da Apple que já havia sido sanada a muito tempo no Jailbreak: O acesso rápido à funções básica do aparelho.


Até o iOS 6 era necessário todo um percurso para ajustar funções básicas, como o ajuste de brilho da tela, ou a ativação da função Wi-fi. Com o iOS 7 não.


Control Center


Destaco também a nova função AirDrop, que possibilita (finalmente) uma forma prática de compartilhamento de arquivos entre os iDevices, e o novo Multitasking que tornou a navegação entre os aplicativos abertos mais visual.


Essas foram as 3 maiores inovações funcionais do novo iOS na minha opinião.


          

                                                                Air Drop                                                                    Novo Multitasking


Claro que temos um novo Notification Center, mudanças em apps como Mail, Safari, Tempo (que ficou sensacional), que também agregaram muito valor à atualização.


A maçã acertou no iOS 7? Colocando tudo isso em uma balança: Novos recursos que facilitam a vida dos usuários de um lado, e o novo design duvidoso do outro, o saldo é positivo.


Muitos vão gostar, outros serão mais conservadores e passarão mais alguns anos com o iOS 6 instalado em seus aparelhos. 


Independente da opinião de cada um, todos concordam em uma coisa: A Apple teve muita coragem e auto-confiança lançando algo como o iOS 7.